Incentivos PORTUGAL 2020

principais incentivos portugal 2020

Os principais incentivos PORTUGAL 2020

O PORTUGAL 2020 define-se como um acordo de parceria, entre Portugal e a Comissão Europeia, que contempla os 5 Fundos Europeus Estruturais e de Investimento – FEDER, Fundo de Coesão, FSE, FEADER e FEAMP, focados em determinados princípios para o desenvolvimento económico, social e territorial para Portugal, entre 2014 e 2020.
Segundo a Agência para o Desenvolvimento e Coesão, IP, até ao final de março de 2017, foram apresentadas candidaturas que demonstram um compromisso com um nível de investimento superior a 36 mil milhões de euros. O domínio da competitividade e internacionalização foi responsável por 52% deste montante.
Assim sendo, é percetível que as principais intenções de investimento das empresas portuguesas estejam focadas ao nível da Inovação Produtiva, Qualificação e Internacionalização

Em relação à região do país que concentra mais incentivos PORTUGAL 2020, o Norte apresenta uma clara vantagem. Esta continua a ser a região com o maior peso no que aos incentivos PORTUGAL 2020 aprovados diz respeito (46%).

Relativamente aos setores de atividade, a Indústria Transformadora absorve cerca de 66% dos incentivos PORTUGAL 2020, com destaque para o ramo automóvel, aeronáutica e espaço, metalurgia, têxtil, vestuário e calçado, borracha e plásticos, mecânica, eletrónica e papel.

As empresas portuguesas continuam a intensificar e a direcionar os seus investimentos e as suas candidaturas a incentivos PORTUGAL 2020 para a área da Competitividade e Internacionalização, onde se incluem os principais incentivos PORTUGAL 2020Inovação Produtiva, Internacionalização das PME e Qualificação das PME.

Saiba mais sobre cada uma destas tipologias de incentivos PORTUGAL 2020 e potencie o seu investimento produtivo, a sua estratégia de internacionalização e/ou o seu processo de qualificação em importantes domínios imateriais de competitividade.

  • Beneficiários
    • Empresas de qualquer natureza e sob qualquer forma jurídica
  • Despesas Elegíveis
    • Aquisição de Máquinas e Equipamentos Produtivos
    • Equipamentos Informáticos e softwares destinados à parte produtiva
    • Aquisição de direitos de patentes
    • Licenças, “saber-fazer” ou conhecimentos técnicos
    • Despesas com intervenção de TOC/ROC até ao limite de 5.000€
    • Serviços de Engenharia relacionados com a implementação do projeto
    • Estudos, diagnósticos, auditorias, planos de marketing e projetos de arquitetura e de engenharia, associados ao projeto de investimento
    • Obras de construção até ao limite de 35% do investimento total elegível
  • Taxa de Incentivo
    • 35%, podendo ser acrescida de majorações, até ao limite de 75%
    • Incentivo reembolsável, a taxa de juro 0%, com 2 anos de carência e 6 para pagamento

SABER MAIS

  • Beneficiários
    • Pequenas e Médias Empresas (PME) de qualquer natureza e sob qualquer forma jurídica (exceção: CAE – Financeiras e de seguros; Defesa; Lotarias e outros jogos de aposta)
  • Despesas Elegíveis
    • Participação em feiras internacionais (viagem, alojamento, construção e montagem de stand, aluguer de espaço e equipamentos, contratação de tradutores…) 
    • Viagens de avião e alojamento para realização de ações de prospeção e captação de novos clientes
    • Contratação de um máximo de 2 novos técnicos altamente qualificados (Nível VI), na medida em que forem utilizados no projeto e durante a execução do mesmo
    • Aquisição de estudos de mercado
    • Despesas com intervenção de TOC/ROC até ao limite de 5.000€
    • Criação de websites e lojas online
    • Certificações específicas para os mercados-alvo
    • Softwares e equipamentos informáticos, desde que relacionados com o investimento
  • Taxa de Incentivo
    • 45% a fundo perdido/não reembolsável

SABER MAIS

  • Beneficiários
    • Pequenas e Médias Empresas (PME) de qualquer natureza e sob qualquer forma jurídica. (exceção: CAE – Financeiras e de seguros; Defesa; Lotarias e outros jogos de aposta)
  • Despesas Elegíveis
    • Introdução de novos métodos ou novas filosofias de organização do trabalho
    • Reforço das  capacidades de gestão
    • Redesenho e melhorias de layout
    • Ações de benchmarketing
    • Criação e registo de de Marcas e Design
    • Economia Digital – TIC
    • Desenvolvimento e Engenharia de Produtos, Serviços e Processos
    • Patentes
    • Certificações, no âmbito do Sistema Português da Qualidade ou Sistemas Internacionais de Certificação
    • Distribuição e Logística através da introdução de sistemas de informação aplicados a novos métodos de distribuição e logística
    • Ecoinovação – EMAS, Rótulo Ecológico, Certificações
    • Contratação de um máximo de 2 novos técnicos altamente qualificados (Nível VI), na medida em que forem utilizados no projeto e durante a execução do mesmo
    • Despesas com intervenção de TOC/ROC até ao limite de 5.000€
    • Softwares e equipamentos informáticos, desde que relacionados com o investimento
  • Taxa de Incentivo
    • 45% a fundo perdido/não reembolsável

SABER MAIS

O INFEIRA, com mais de 20 anos de experiência e know-how na elaboração, acompanhamento e encerramento de candidaturas a incentivos PORTUGAL 2020, é uma entidade especializada nos sistemas de incentivos às Empresas.

CONTE COM A EXPERIÊNCIA DA NOSSA EQUIPA DE CONSULTORES ESPECIALISTAS!
Realizamos o pré-enquadramento do seu investimento.

 
 
 

Verificação